Rio Claro 1 x 1 Santos »

Agência/Lancepress

banner-loja-santos.jpg

.

Empate frustra Santos e rebaixa o Rio Claro

Com igualdade por 1 a 1, Peixe vê chances reduzidas de classificação. Time do interior cai

Mais uma vez o Santos vacilou contra um time mal colocado na tabela e viu as chances de classificação às semifinais do Campeonato Paulista ficarem quase nulas. Neste sábado, no estádio Augusto Schimidt Filho, a equipe apenas empatou com o Rio Claro por 1 a 1, resultado que rebaixou o clube do interior.

Durante a competição, em que o time alvinegro chegou até a brigar contra o rebaixamento, o Santos perdeu também de Rio Preto e Juventus, equipes que desde o começo estão mal posicionadas. Fato esse que aconteceu também no Brasileirão 2007 – com derrotas para América-RN e Náutico quando esses eram lanternas.

O QUE FALTA PARA O RIO CLARO
6/4 Marília x Rio Claro
O QUE FALTA PARA O SANTOS
6/4 Santos x Ponte Preta

O tropeço santista nesta rodada acontece depois que a “Operação Milagre” ganhou força na Vila Belmiro. Com cinco vitórias consecutivas, o time do técnico Emerson Leão deixou de ser candidato ao rebaixamento para almejar uma vaga nas semifinais do Paulistão. Porém, o empate com o rebaixado Rio Claro complicou muito.

A primeira meta para continuar respirando é torcer para que o São Paulo não some pontos no jogo deste domingo, contra o Bragantino. Além disso, precisa ganhar da Ponte Preta na última rodada e torcer por enorme combinação de resultados.

Caso se confirme que a chance de o Santos classificar-se às semifinais estaduais é zero, restará apenas a Taça Libertadores da América para o Peixe. E o próximo jogo acontece na terça-feira, contra o San José-BOL, na Vila Belmiro.

FIM DA ‘OPERAÇÃO MILAGRE’?
DATA JOGO
9/3 Santos 3×2 Noroeste
13/3 Santos 2×1 Mirassol
16/3 São Caetano 0x1 Santos
23/3 Guaratinguetá 0x1 Santos
26/3 Santos 2×1 Corinthians
29/3 Rio Claro 1×1 Santos

A iniciativa do jogo foi tomada pelo Rio Claro, mas foi o Santos que saiu na frente no placar. E graças a um erro na defesa do time do interior. Aos 11 minutos, Dão perdeu a bola e Adoniran cruzou para área. Molina cabeceou no travessão e Kléber Pereira fez de cabeça o seu 12º na competição estadual.

O Rio Claro, porém, não se intimidou e foi para cima. Aos 13, Silas arriscou de fora da área e o desvio na zaga santista assustou Fábio Costa. O goleiro, aliás, foi herói no lance seguinte. Após cobrança de escanteio da direita, o zagueiro Douglão cabeceou e o camisa 1 alvinegro fez linda defesa.

Mas como vida de goleiro é complicada, aos 41 minutos Fábio Costa foi o vilão. Silas fez ótima jogada pela direita e cruzou rasteiro para Mirandinha, que bateu fraco de primeira e viu o goleiro santista falhar. O gol fez a equipe anfitriã se empolgar e pressionar o Santos até o fim da etapa inicial.

O Santos teve uma chance incrível de voltar a ter vantagem no marcador logo aos 4 minutos do segundo tempo. Kléber Pereira chutou da pequena área e Gilson espalmou. No rebote, o colombiano Molina bateu forte, mas o zagueiro Dão, bem posicionado, salvou o Rio Claro em cima da linha.

Aos 13 minutos foi a vez do time do interior assustar. E o susto só não foi maior por um erro da arbitragem. Após cobrança de falta para área, Douglão desviou de cabeça para o fundo do gol. No entanto, foi marcado impedimento que não existiu.

O Peixe, no entanto, foi bastante superior na etapa final. Só não chegou à vitória por causa do goleiro Gilson, que fez grandes defesas. Kléber Pereira, Molina, Rodrigo Souto… Todos tiveram chances, mas nenhuma deu a vitória ao time santista.

Confira a tabela dinâmica do Paulistão no Globo Esporte: simule a reta final

 A FICHA DO JOGO
RIO CLARO X SANTOS
Gilson
Dão
Toninho
Douglão
Ivan
Douglas Peruíbe
Cléber Gaúcho
Silas
(Luiz Fernando)
PC
(Guilherme)
Luciano
Mirandinha
T.: Edu Marangon
Fábio Costa
Adoniran
Domingos
Marcelo
Kléber
Adriano
(Fabão)
Rodrigo Souto
Molina
(Renatinho)
Wesley
Sebastián Pinto
(Vitor Junior)
Kléber Pereira
T.: Emerson Leão

Gol: Kléber Pereira, aos 11, e Mirandinha, aos 41 minutos do primeiro tempo;
Cartões amarelos: Cléber Gaúcho, Toninho (R); Kléber, Marcelo, Domingos (S)
Árbitro: Flávio Rodrigues Guerra
Auxiliares: Anderson José de Moraes Coelho e Marcelo Luís da Silva
Data: 29/3/2008
Estádio: Augusto Schimidt Filho, em Rio Claro (SP)

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: